Sombra clara com Delineador.

Nada como uma sombra bem esfumada pra amenizar a expressão pesada dos olhos naqueles dias em que o cansaço bate, especialmente se suas pálpebras são ‘fofinhas’ e caem sobre os olhos, assim como as minhas. Embora as cores sejam claras, o efeito é evidente.

make antes e depois

Preparei a pele usando primer (Magix da Avon), base (Face and Body da MAC cor N2), corretivo (Kryolan cor D4) e pó compacto (Skinfinish Natural da MAC cor Light).

1- Com aplicador de espuma (ótimo pra isso) cobri a pálpebra móvel com sombra rosa bebê com pouca cintilância. Parece que tem cor nenhuma, mas o efeito surge com a presença das outras cores.

2- Gosto muito de misturar sombra coral com marrom, sempre bem esfumado. Aliás, nessa hora eu não abro mão de um bom pincel. O nº217 da MAC é maravilhoso e específico pra isso. Vale muito o investimento.

Sombra esfumada

3- Insista no canto do côncavo. Isso faz toda a diferença.

4- Com um pincel fofinho e menor, marque a linha do côncavo com sombra marrom escuro sempre com o cuidado de esfumar depois.

Sombra esfumada

5- Como mesmo pincel una os pontos, mas não deixe a linha marcada. Isso dá profundidade aos olhos. 6408

6- Use a sombra coral novamente pra fazer o acabamento tendo como fim esfumaçado. Às vezes ele é ‘apagado’ ao passar a outra camada de sombra. 6410

Sombra esfumada

7- Use as mesmas sombra na parte inferior dos olhos, mas se os seus olhos forem grandes, prefira o lápis preto na linha d’água dos olhos. Capriche no delineador e no rímel preto. Ah, e na sobrancelha lápis (de escrever) h2b.

8- Gosto muito do blush Malva da Avon, ele é clarinho, mas aparece e fica lindo.

Sombra esfumada

Bom trabalho!

Primeiro dia de caminhada.

Decidida a levar a sério meu emagrecimento, encarei o primeiro dia de caminhada!

Digo com toda a certeza que não foi a oitava maravilha do mundo porque além de carregar os quarenta quilos a mais que não eram meus, trazia nos ombros mais uns quinhentos vindos do meu próprio preconceito.

Nada me tirava da cabeça que por onde eu passava todos me olhavam e pensavam algo do tipo:

- Gorda desse jeito não vai aguentar o peso do corpo;

- De que adianta caminhar e depois comer desesperadamente;

- Ah, até que enfim tomou vergonha na cara!

Muito provavelmente essas pessoas não estavam nem me vendo. Aprendi que precisava refazer a imagem que tinha de mim mesma e me cobrar menos.

Se por acaso vive algo parecido, se dê uma nova chance. Você merece!

Tenha uma ótima semana!

Antes e Depois.

Antes e Depois.

Inverno X Fome e vontade de comer.

O frio se aproxima e com ele a preocupação com a balança, não é? Conheço bem essa crise. Cheguei ao cúmulo de ter dois tamanhos de roupas, um para o verão e outro para o inverno. Com muita facilidade engordava pelo menos quatro quilos no frio, porém num dos anos engordei dez!

Dieta de Inverno

Já aviso que a reeducação alimentar não teve culpa alguma nisso. Teimosa, eu ‘achava’ que comer de três em três horas não tinha nada a ver. Mas, tinha! Eu sentia fome fazendo apenas três refeições por dia e naturalmente comia um pouco mais pra dar conta do buraco no estômago. Fazendo pelo menos cinco refeições não sinto fome, como bem menos, ou melhor, o necessário e não engordo.

Dieta de Inverno - chá

Portanto, não tenha medo do inverno e muito menos se faça de vítima dele porque o prejuízo será seu. Realmente a fome aumenta porque o organismo gasta mais energia pra manter o corpo quente, mas no fundo também existe a tal vontade de comer. Abra o olho e feche a boca!

Dieta de Inverno

Eu tomo algumas providências pra me prevenir nessa estação:

- Adoro chocolate quente bem cremoso e calórico, mas deixo só para o final de semana ou a cada 15 dias. Se virar prática, ninguém segura o ponteiro da balança. No lugar dele tomo café com leite e canela ou chá natural pra dar uma enganada.

- Tomar sopa à noite é muito bom desde que não seja calórica. Sopa com muita manteiga, bacon, creme de leite, batata ou arroz, por exemplo, não vai ajudar a natureza. Abuse dos legumes!

- Tomar pelo menos 1,5 lt de água por dia, mesmo sem vontade e com frio. O dia em que não tomo água a fome aumenta consideravelmente e a hidratação não acontece. Não vale a pena.

- Fibras sustentam bastante e ajudam no funcionamento do intestino. Bolo de fibras é o que há de bom, com moderação, é claro!

- Tenho muita preguiça de fazer atividade física no inverno. Mas, aí penso que ela vai me ajudar a manter o peso, evitar dores nas costas, especialmente eu que tenho duas hérnias e crises nessa época. Se a preguiça me dirige a palavra, faço de conta que não é comigo e sigo em frente. Fácil não é, mas é necessário.

- No lugar da salada fria, os legumes cozidos e quentinhos são ótimos.

- Comer frutas no inverno não é tão legal quanto no verão… Pra equilibrar faço suco verde usando várias delas ou então coloco maçã, pera ou banana no forno ou micro-ondas com um pouco de água e canela. É uma deliciosa sobremesa.

- Mastigue devagar e várias vezes até perceber que o alimento está todo triturado. Quanto maior o tempo de mastigação mais o cérebro entenderá que está saciado, mesmo que a quantidade de comida não seja grande.

Bom trabalho!

 

Pilates é tudo de bom!

Nunca fui muito chegada em atividade física. De vez em quando fazia caminhada, mas isso acontecia quando estava no auge da gordura e não via outra saída. Claro que não havia uma sequência. Caminhar por quinze dias só já tá ótimo e já era considerado milagre. Repeteco só no próximo ano.

Exercício que também fortalece musculatura dos braços - tudo o que eu preciso no momento!

Exercício que também fortalece musculatura dos braços – tudo o que eu preciso no momento!

Academia definitivamente não me agrada e eu nem posso frequentar por conta de uma hérnia que tenho na região do pescoço. Não me sinto confortável lá, detesto o tipo de exercício e não tenho a mínima paciência.

Só quando comecei a fazer a reeducação alimentar é que me rendi à caminhada diária. Isso foi muito importante para o meu emagrecimento. Mas, ao começar a faculdade o tempo ficou escasso e parei novamente. Depois de alguns anos conheci o pilates e foi amor à primeira vista.

Não parece, mas exige bastante força e concentração.

Não parece, mas exige bastante força e concentração.

Com o tempo a hérnia ganhou força, trouxe algumas crises de dor e depois me encrencou de vez. Sentia os ombros pesados e tensos o tempo todo, alias já levantava da cama desse jeito. O desconforto era grande e já não conseguia ficar sentada por muito tempo. Também percebi que a coordenação motora das mãos não correspondia ao movimento que eu queria fazer. Vi que precisava fazer algo foi quando me rendi ao pilates. Uma das ótimas escolhas que fiz na vida!

Ótimo para a coluna e alívio imediato!
Ótimo para a coluna e alívio imediato!

Desde então a dor praticamente não existe mais, meus movimentos voltaram ao normal, sinto-me leve, com a postura bem melhor, a musculatura mais forte e bastante animada. 

Os efeitos são inúmeros, separei alguns dos que mais gosto:

- Fortalece e define a musculatura profunda do corpo (mas não fica inchada como quando se faz musculação).

- Trabalha várias grupos musculares ao mesmo tempo.

- Dá força, flexibilidade e equilíbrio. Melhora a postura, tonifica e alonga os músculos.

- Trabalha a percepção do corpo e da mente.

- Deixa a coluna mais forte e flexível.

- É um tratamento de reabilitação postural (o que pra mim tem sido muito importante).

- Reduz tensão muscular.

- Ajuda no emagrecimento, mas não faz isso sozinho. Nesse caso é preciso exercício aeróbico, alimentação controlada e persistência. Não tem jeito, nada cai do céu.

Se você tiver oportunidade de fazer, por favor, não perca tempo. São muitos benefícios reunidos em uma só atividade física. É um investimento que vale a pena, tanto em relação ao tratamento, se necessário, quanto para a prevenção de problemas futuros. Sem contar o bem estar que ele oferece!

Nada disso estaria acontecendo sem a presença dos meus instrutores Reinaldo e Gustavo do Studio Pilates Reinaldo Carvalho, que me acompanham com dedicação e profissionalismo. Muito agradecida!

Ninguém engorda de um dia para o outro.

Sei que tenho me ausentado por vários dias do blog, mas realmente não tenho dado conta de atualizá-lo e escrever meu livro ao mesmo tempo. Peço desculpas e também sua compreensão.

A experiência de escrever o livro tem sido maravilhosa especialmente por me propiciar uma visão diferente da que tinha até então a respeito da minha própria história e isso muda muita coisa. Se eu conseguir ajudar uma pessoa que seja a resgatar sua autoestima reconhecendo seu valor como ser humano me sentirei muito feliz e satisfeita.

Em breve, meu livro!

Em breve, meu livro!

Segue um pequeno trecho do livro. Espero que você goste e que em breve ele esteja pronto.

NINGUÉM ENGORDA DE UM DIA PARA O OUTRO.

Nesta época eu tinha um corpo normal, não posso dizer que era magra, porque sempre fui rechonchudinha, mas também não era gorda. Percebia em alguns momentos que a necessidade de comer estava um pouco maior do que o normal, mas nada que chamasse a atenção. De uma coisa eu tenho certeza: Todo sofrimento traz algo de bom e eu não seria um décimo do que sou hoje se não tivesse passado por tudo o que passei até então.

E por falar em comer eu sempre fui perseguida por senhorinhas que têm mão de ouro na cozinha e que sempre diziam a mesma coisa: – “Fiz esse bolo, essa torta, esse macarrão, esse doce, esse pão ou qualquer outra coisa, especialmente pra você! Sei que adora e come como se fosse o prato mais gostoso do mundo”. Consegue imaginar a minha reação? Claro que eu achava o máximo, minha boca salivava na hora e eu comia tudo com a maior e satisfação e pelo menos por enquanto, sem peso na consciência.

Dona Olga era uma delas! Tinha mais de oitenta anos e era minha cliente. Fazia suas unhas semanalmente. Ao chegar a sua casa, a mesa já estava posta com tudo de bom que você possa imaginar. Até o café parecia ser mais cheiroso lá.

Eu sempre gostei de bolachinha de nata, mas não estou falando de qualquer uma, é aquela caseira, que dá pra sentir o gosto do leite e que claro, dá pra comer a lata inteira de uma só vez. A receita dela era exatamente dessa forma, mas não era questão de receita porque eu já fiz e não ficou do mesmo jeito. Penso que ela tinha uma senha que lhe permitia alcançar esse resultado quase que sobrenatural. Que delícia!

Além disso, ela fazia um bolo de fubá divino, era bem amarelo com a casca marrom, fofo, não era tão doce, mas estava no ponto e sempre saia do forno para a mesa. Aquela fumacinha o acompanhava como em propaganda de televisão. Como se não bastasse ela dizia que ficava mais gostoso se acompanhado com manteiga e queijo fresco, feitos na roça.

Meu Deus, eu não queria parar de comer e fazia isso saboreando cada pedaço, mastigava lentamente e escolhia tudo o que realmente me apetecia. Isso pode parecer óbvio, mas já houve momentos em que eu comia qualquer coisa, gostosa ou não porque o mais importante era mastigar, preencher um buraco em algum lugar aqui dentro que era muito grande e sem fim.

Sua história em meu Livro!

Sem dúvida, o meu maior sonho realizado até agora foi o de ter emagrecido 40 quilos!

Sempre achei que emagrecer seria uma conquista meramente estética e que eu seria muito feliz por ter um corpo em forma, pensei dessa forma ingênua por grande parte da minha vida.

Márcia Ribas - Emagreci 40 quilos

Emagrecer me deu a possibilidade de perceber que eu sou um ser humano cheio de possibilidades, que há uma força muito grande em meu interior até então desconhecida, que a tão falada força de vontade não é mais que amor próprio em primeiro lugar, que as escolhas se fazem a partir do momento que encontro significado nas minhas buscas e que de forma especial, as respostas todas estão aqui dentro e que ninguém é ‘culpado’ pelos meus enganos ou erros. Sou responsável por todos os meus atos.

Sofri muito por ser ter sido obesa durante muitos anos da minha vida e por conta disso fiz tudo quanto é dieta na esperança de encontrar uma saída milagrosa, mas ela só veio com a Reeducação Alimentar, para minha surpresa, ao perceber que realmente dava certo e que nem por isso eu tinha que sentir fome e nem me privar dos alimentos! Meu Deus, que dia feliz!

Criei esse blog com a intenção de dividir essa experiência com você. Ao saber alguma novidade sobre o seu processo de resgate da autoestima fico imensamente satisfeita, em primeiro lugar porque você realmente merece isso e depois porque o sofrimento que eu vivi por conta da obesidade não foi em vão.

ESTOU ESCREVENDO MEU LIVRO e quero muito poder CONTAR SUA HISTÓRIA também. Me fale qual foi a sua experiência de encontro consigo mesma através do blog, como conseguiu dar os passos necessários para mudar alguma situação vivida, como conseguiu iniciar seu processo de emagrecimento, enfim. Ficarei muito feliz em  contar sua história em meu livro! Grande abraço!

Sonho é Sonho e Problema é Problema.

Você já se sentiu traído pela vida? Tudo estava indo tão bem, o caminho era aquele, mais ou menos definido ou pelo menos projetado, quando de repente tudo muda e ninguém me dá uma explicação de como será de agora em diante… Tem mesmo que ser desse jeito?

anthony kurtz11

A dor de querer ajudar alguém que se ama e não conseguir é grande. É uma mistura de sentimentos que vão e vem e acabam me pegando de surpresa. Assumi-los me deu forças para reconhecer meu limite – o que não é fácil especialmente ao constatar que diante de determinada situação não há o que fazer para mudar o outro – e aprendi que sem isso não permitirei que A Vida me surpreenda.

Anthony Kurtz Untitled (Children in Suits)

Realmente nem tudo são flores e isso não é novidade pra ninguém. Mas, o mais intrigante disso é que, independente da dor ou do problema, tudo pode ser enfrentado – não sem certo esforço – mas nada será maior do que nossas possibilidades, por mais que se mostre como algo maior. Isso me traz paz!

anthony kurtz9

A vida seria muito mais simples se eu desse mais atenção para o que está aqui dentro. As coisas se resolveriam com a força própria da natureza que tem seu rumo certo, é majestosa e mesmo assim não causa alarde. O que me alegra é que sempre é tempo de aprender. O que seria de mim se não fosse isso?

anthonykurtz8

Embora eu seja uma pessoa decidida, por vários momentos já me peguei pensando em abrir mão de alguns sonhos. Mas a vida tem mostrado que sonhos não têm de ser trocado por problemas. Sonhos tem de ser realizados e problemas tem de ser resolvidos. E dessa forma a direção da vida se mostra.

anthonykurtz7

Acabei de conhecer o trabalho do fotógrafo Anthony Kurtz. Alguém que consegue enxergar além!

Entradas Mais Antigas Anteriores

%d blogueiros gostam disto: